top of page

Fundo da Bolt Energy mira projetos em renováveis

Meta inicial é movimentar R$ 300 milhões, principalmente para projetos solares e eólicos.

A Bolt, atuante em comercialização de energia e em geração eólica e solar, criou um fundo de direitos creditórios para financiar projetos de energia, principalmente solares e eólicos.


Imagem: Divulgação


Voltado para geradores e consumidores de grande porte, o fundo Bolt Energy FIDC começou a operar em outubro e tem potencial inicial para atingir o volume de R$ 300 milhões.


Com a Riza Asset Management como gestora do fundo, a expectativa é que o valor projetado tenda a aumentar com as perspectivas dos investimentos futuros, segundo comunicado da Bolt.


Ainda segundo a empresa, o Bolt Energy FIDC surge em momento de alta demanda do mercado, tanto devido à crise energética como pela necessidade de proporcionar mais crédito e liquidez financeira aos agentes, sejam eles geradores, consumidores ou comercializadoras.


“O fundo permite um crescimento sustentável do setor e da economia, o que é fundamental para acelerar a expansão da oferta de geração, ponto nevrálgico do setor”, afirmou em nota a empresa.


O fundo vai operar com a aquisição e realização de pagamentos à vista de contratos de energia, priorizando os projetos eólicos e solares.


A ideia é garantir mais energia limpa a preços competitivos para os clientes da comercializadora.


Um segmento consumidor, entre os vários com potencial de demanda por energia em alta, é o de agronegócio, que necessita de alto consumo de eletricidade.


A Bolt tem cerca de 500 clientes, além de 27 milhões de MWh comercializados e 30 mil contratos de energia negociados.


Fonte: Fotovolt


Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page