top of page

Saiba tudo sobre os painéis fotovoltaicos

Nas últimas décadas a energia solar tem sido procurada cada vez mais como uma alternativa à energia elétrica fornecida por diversas empresas.


Imagem: Divulgação


Você tem ideia de como é gerada essa energia, presente em várias casas e empresas atualmente?


Um dos maiores responsáveis por ela são exatamente os painéis fotovoltaicos.



Mas então o que é painel fotovoltaico?


Eles são componentes de um sistema de energia solar capazes de converter a energia do sol em elétrica.


Imagem: Divulgação


Os painéis solares são responsáveis por fornecerem energia na medida certa para uma residência.


Eles têm eficiência medida através da porcentagem de energia do sol que atinge a superfície do painel que é transformada em energia elétrica para o consumo final.


Quanto maior é a eficiência de um painel solar fotovoltaico, mais Watts por metro quadrado um sistema pode gerar.



A células fotovoltaicas dos painéis são como um sensor de luz, que a atrai para ser armazenada.


Imagem: Divulgação


Eles podem ser produzidos em diferentes tensões e tamanhos para atender os mais variados usos.


Um investimento em painel fotovoltaico e na energia solar se tornou uma opção mais acessível graças aos diversos incentivos dos governos para que os custos com a instalação sejam minimizados.



De onde veio o painel solar?


Muitos tem a ideia de que a tecnologia da energia solar é muito recente, mas não é bem assim. Por muito anos ela já vem sido desenvolvida.


Em 1839 o cientista francês Edmond Becquerel foi quem descobriu o efeito fotovoltaico. Desde então veio a desenvolver os primeiros painéis de selênio.


Em 1873 Willoughby Smith, um engenheiro elétrico inglês, descobriu as propriedades fotocondutoras do material.


Imagem: Divulgação


Estas descobertas permitiram que após alguns anos, em 1876, os cientistas William Grylls e Richard Evans Day percebessem que o selênio é capaz de gerar eletricidade a partir da exposição à luz solar.


Em 1883 a primeira célula solar foi produzida por Charles Fritts.



Os painéis usados nos dias de hoje são feitos com células a base de silício, que foram desenvolvidas pela primeira vez em 1954 por Daryl Chapin, Calvin Fuller e Gerald Pearson.


Naquele período a eficiência de conversão da luz em eletricidade ainda era muito inferior à que usamos nos dias de hoje, cerca de ¼ a menos.


Imagem: Divulgação


Mas sem sombra de duvidas foi um marco para alcançarmos a tecnologia necessária para poder usar uma fonte de energia limpa e renovável.


Mas como ele funciona de fato?


Ele contém células feitas de materiais semicondutores. É o caso das células de silício (mais utilizadas hoje em dia) e as de selênio, por exemplo.



As partículas de sol, conhecidas como fótons, ao colidir com os átomos do silício que revestem a placa geram uma corrente elétrica com o deslocamento dos elétrons.


Esta corrente é usada para carregar uma bateria.


Imagem: Divulgação


Qual deles é o melhor?


Hoje em dia existem uma variedade de painéis solares. A decisão de qual deles é o melhor depende da necessidade de cada local.


Deve se ter em consideração a eficiência de um painel solar antes de escolher o melhor.



Tipos de painéis


Os tipos que existem hoje geralmente se diferem entre si pelos números de camadas que cada um deles usa para reter a luz solar e dos materiais e eficiência na atividade desta captação.

Imagem: Divulgação


Quanto mais puro o silício empregado em um painel, maior é a sua eficiência.


Quer ficar bem informado(a) sobre nossos informativos, e interagir com a gente? Cadastre-se grátis e esteja sempre por dentro de todos os nossos conteúdos www.energiasolarshop.com.br


Gostou deste post? Achou que foi útil? Faça um comentário abaixo. Nos deixe aqui suas sugestões de temas para os nossos posts e também suas dúvidas.



Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating