top of page

Absolar e ABM assinam acordo para difundir fonte solar nas cidades

Ideia da cooperação é atrair novos investimentos com a ampliação de uso da energia solar fotovoltaica em áreas urbanas e rurais.

Imagem: Divulgação


Um acordo de cooperação para difundir a energia solar fotovoltaica em áreas urbanas e rurais de municípios do País foi assinado pela Absolar - Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica e a ABM - Associação Brasileira dos Municípios (ABM).


Segundo os envolvidos, o acordo visa atrair novos investimentos, gerar mais empregos e renda para a população e ainda estimular o desenvolvimento de novas oportunidades com a ampliação do acesso da energia solar a produtores rurais e prédios públicos.


O acordo colocou como prioridades o intercâmbio de informações e a realização de ações para promover assuntos de interesse comum em relação ao desenvolvimento de políticas públicas, programas e incentivos municipais para o aproveitamento da fonte solar nas cidades brasileiras.


Estão previstos ainda a identificação de empreendedores do setor interessados em investir nas cidades, o compartilhamento de informações no âmbito nacional e regional, a avaliação de tendências de negócios, o aprimoramento do ambiente regulatório e legal e a cooperação em eventos e ações conjuntas, dentro e fora do Brasil.


Imagem: Divulgação


Para o presidente executivo da Absolar, Rodrigo Sauaia, o acordo deve garantir maior acesso ao uso da tecnologia fotovoltaica pelos consumidores em residências, comércios, indústrias, propriedades rurais e prédios públicos.


“Além disso, pode trazer maior autonomia e independência elétrica, além de valorizar os imóveis e elevar a sustentabilidade dos consumidores”, disse.


“O setor está bastante otimista com a nova parceria e preparado para contribuir para a recuperação econômica sustentável das cidades brasileiras, ajudando também no atingimento dos compromissos de redução de emissões de gases de efeito estufa”, completou o presidente do Conselho de Administração da Absolar, Ronaldo Koloszuk.


Fonte: Fotovolt



Comentarios

Obtuvo 0 de 5 estrellas.
Aún no hay calificaciones

Agrega una calificación
bottom of page