top of page

A eletricidade criada pela imaginação

Dagomir Marquezi detalha como ousadias tecnológicas vêm abrindo caminho para novas formas de geração de energia renovável


Dagomir Marquezi detalha como uma série de ousadias tecnológicas vêm abrindo caminho para novas formas de geração de energia renovável.


Foto: Shutterstock


“Vivemos o início de uma fase dois nessas formas conhecidas de geração de energia renovável.


A necessidade de ‘descarbonização’ do mundo está acelerando as pesquisas em possibilidades inéditas. O desafio é buscar formas mais seguras, limpas e baratas, escreve Marquezi.


“O Brasil está fazendo bonito na área das chamadas energias renováveis. Para ter uma ideia, a geração de energia fotovoltaica era de 0,4 megawatt em 2012. Seis anos depois, esse número estava em 501,9 megawatts.



A energia eólica também cresce. Segundo a Aneel, a capacidade instalada no Brasil em 2005 era de 27,1 megawatts. Hoje, é de 16.445,1 megawatts.


Estamos entrando num bom momento para aumentar a diversidade dessas fontes alternativas na nossa matriz energética.


Novas opções mais inteligentes estão sendo criadas e implantadas. Algumas dessas possibilidades, hoje ainda em fase experimental, poderão virar equipamento-padrão em pouco tempo.”


Imagem: Divulgação



Além do artigo de Dagomir Marquezi, a Edição 76 da Revista Oeste traz reportagens especiais e textos de J. R. Guzzo, Guilherme Fiuza, Rodrigo Constantino, Silvio Navarro, Ana Paula Henkel, Ubiratan Jorge Iorio, entre outros.


Startup de jornalismo on-line, a Revista Oeste está no ar desde março de 2020. Sem aceitar anúncios de órgãos públicos, o projeto é financiado diretamente por seus assinantes.



Para fazer parte da comunidade que apoia a publicação digital que defende a liberdade e o liberalismo econômico, basta clicar aqui, escolher o plano e seguir os passos indicados.


Fonte: R7



댓글

별점 5점 중 0점을 주었습니다.
등록된 평점 없음

평점 추가
bottom of page